LIMITES E TRANSGRESSÕES: O ERÓTICO, O PORNOGRÁFICO E O OBSCENO NA SÉRIE “SUÍTE SAFADA” DE GIL VICENTE

Nome: Pâmela Pimentel dos Reis
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 23/05/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Ricardo Mauricio Gonzaga Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Aparecido Jose Cirilo Examinador Interno
FERNANDO AUGUSTO DOS SANTOS NETO Examinador Externo
Ricardo Mauricio Gonzaga Orientador

Resumo: Esta pesquisa apresenta um diálogo entre o erotismo, a pornografia e a obscenidade, se utilizando destes termos como elementos estruturadores para realizar análise crítica de uma série específica de desenhos do artista contemporâneo Gil Vicente. Em primeiro lugar, a dissertação investiga a conceituação destes termos, estabelecendo pontos de conexão entre eles e as artes visuais, por meio de obras de artistas da arte moderna até a contemporaneidade. Num segundo momento, discursa sobre a relação entre o desenho, a literatura de cordel e a literatura erótica, versando sobre censura na escrita até chegarmos às exposições de arte atuais. Ao final, empreende uma leitura da trajetória do artista Gil Vicente, e comenta acerca da linha tênue que divide as duas vias – erótico/pornográfico – na série de desenhos Suíte Safada, objeto desta pesquisa.
Palavras-Chave: Arte Contemporânea, Desenho, Erótico, Pornográfico.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910